Ensinando mulheres a jogar poker

Bueno e time femininio

 

E aí Galera, hoje aqui no QG foi dia de dar coach para as meninas do time micro feminino do QG Akkari Team.

No nosso plano de ensino eu separei poker em duas áreas, uma área mais técnica e mais ligada diretamente às mesas, que o Headão ensina, e inclui coisas como saber como utilizar cada stack, como jogar cada fase do torneio, que mãos escolher para determinadas jogadas, e uma área mais ligada a raciocínio do jogo e desenvolvimento de habilidades que melhoram a performance do jogador na mesa que eu comando.

Aí uma das aulas da semana é do Headão e outra é minha.

Tem sido um desafio bem grande ensinar mulheres a jogar pq minha experiência foi majoritariamente ensinando homens durante minha carreira, mas já vi várias mulheres jogando e deu para observar vários padrões de comportamentos, incluindo dois fatores que eu acho que são a principal razão para não termos  mulheres bem-sucedidas no poker na mesma proporção que homens.

Esses fatores são a insegurança e passionalidade excessiva de mulheres. Muitas vezes a mulher chega no seu raciocínio na conclusão correta mas falta confiança para fazer a jogada correta e as vezes a adrenalina do momento faz com que a mulher fique muito passional na jogada e comece a acreditar mais no feeling, intuição, nas sensações que aparecem no momento, naquele sentimento de “acho que to perdendo”ou “acho que to ganhando” que são coisas que não existem no poker, ao invés de se manter nos ranges, leitura de mão, etc. Poker é raciocínio lógico + conhecimento técnico + percepção das pessoas, a soma disso tudo nos dá a melhor jogada a se fazer. Sempre achei que esse papo de intuição feminina acaba mais prejudicando mulheres do que ajudando.

Mas aí você tem mulheres muito bem sucedidas no poker, como a Vanessa Selbst e a Larissa Metran, e pra mim o motivo desse sucesso é que elas estudaram e discutiram MUITO poker nas suas vidas, e ficaram tão boas tecnicamente que ganharam confiança e certeza de suas jogadas que nenhum fator emocional pode afetar a jogada. A Vanessa postava muito no 2+2 e a Larissa é sócia do Steal, já ensinou muita gente a jogar e deve ter conversado demais de poker com o João Bauer e seu namorado, o Evandro Vitoy que são grandes jogadores.

Com esse raciocínio cheguei a conclusão da melhor maneira de ensinar as meninas aqui do QG Akkari Team. Muito foco em técnica e lógica, e os primeiros resultados e a evolução do jogo delas mostram que estamos no caminho certo!

E vocês, concordam comigo?

 

 

Advertisements

3 comments

  1. A passionalidade é uma característica inerente à personalidade feminina, porém não exclusiva. Prova disso é o “Tilt”. Já vi vários depoimentos de homens que quebraram seus notes/computadores após uma bad, mas nunca de uma mulher. A emotividade da mulher está mais ligada à família e relacionamentos. Acredito que as mulheres possuem capacidade superior em absorver variáveis no poker.

    Quanto ao número de mulheres bem sucedidas no poker, discordo que decorra da passionalidade. É puramente uma questão matemática. O número de jogadores homens é infinitamente maior que de jogadoras, consequente mais resultados expressivos para eles.

    Quanto ao nível das jogadoras, atribuo isso a pouca experiência. As mulheres ingressaram mais tardiamente no poker, mais que natural que muitos homens tenham mais conhecimento e volume de jogo.

    O ano de 2013 foi um divisor de águas para o Poker, ganhamos um espaço grande na mídia e o Esporte alcançou muita gente, inclusive as mulheres. Prova disso são os torneios live: no começo do referido ano, em torneios dos Clubes de Curitiba, por muitas vezes era a única mulher no field. No final do ano, a média passou a cinco, em fields de 30/40 players.
    Ainda é pouco, mas creio que estamos no caminho certo, ainda mais com iniciativas como do Akkari Team, com turmas exclusivas de mulheres.

    Ahh, nunca duvide da intuição feminina! Rsrs

    Parabéns pelo Blog! Abs!

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out /  Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out /  Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out /  Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out /  Change )

w

Connecting to %s